quinta-feira, 16 de junho de 2011

Festival Nacional da Cultura de Moçambique

Fazedores de cultura atentos aos preparativos

Por Eduardo Quive

O Ministério da Cultura e os intervenientes da cultura nacional, discutiram na passada quarta-feira em Maputo, o regulamento da próxima edição do Festival Nacional da Cultura, que acontecerá pela sétima vez em 2012.

De acordo com os fazedores da cultura reunidos nesta sessão, salienta-se importante que se tome atenção na logística, pois a partir desta, poderá ser alcançado o maior objectivo, que é o de, juntar o que melhor se tem em termos de arte no país e se exibir em boas condições.

Os artistas chamaram a atenção para a fase dos apuramentos, para que de facto, se leve para a fase final do festival, grupos que merecem lá estar.

Já o Ministro da Cultura, Armando Artur, enalteceu as contribuições dos intervenientes culturais, reiterando que o Festival Nacional da Cultura é de todos moçambicanos, e constitui oportunidade para que a identidade cultural dos moçambicanos esteja reactivada e reconhecida internacionalmente.

Ainda no encontro, o Ministério da Cultura procedeu com a apresentação da sua página oficinal na Internet, onde disponibilizará informações institucionais e os valores culturais do país.

O site constitui uma plataforma para a divulgação das potencialidades artísticas do país, bem como das acções do governo inerentes ao sector da cultura, sendo por esta razão que se reuniu os intervenientes nesta área.

 


Nampula capital da cultura em 2011

No Norte de Moçambique, foi escolhida a cidade de Nampula para acolher a mais prestigiada festa da cultura com maior exaltação dos valores culturais dos moçambicanos, onde várias expressões intercalam-se uma vez em cada dois anos.

Uma das estratégias definidas pelo Ministério da Cultura, é fazer com que, durante todo o ano 2012, todo o movimento artístico–cultural do país, tenha em vista a cidade de Nampula como o centro das atenções.

Armando Artur, referiu que ao adoptar esta estratégia, o objectivo do Ministério da Cultura, é fazer com que, o Festival Nacional da Cultura ganhe mais valores a serem aproveitados para o sector turístico e para a difusão da diversidade cultural, permitindo assim que se mobilizem mais recursos para o mesmo.

Deve-se também, segundo o Ministro da Cultura, mostrar o valor e a importância da cultura para que haja mais investimentos, parcerias e orçamento para esta área, o que poderá favorecer os seus fazedores e o país no geral.

Com: http://revistaliteratas.blogspot.com/2011/06/maputo-preparativos-para-vii-festival.html

4 comentários:

  1. Caro amigo Jairo, somos eternamente gratos por esta amizade que quanto a nós é uma pura lealidade!
    Cumprimentos pela cultura Moçambicana que tem um parceiro em terras distantes. Movimento Literário Kuphaluxa - Revista Literatas - Maputo - Moçambique.

    ResponderExcluir
  2. Estamos juntos na luta pela valorização da cultura de nossos países.
    O espaço estará sempre aberto.
    abraço

    ResponderExcluir
  3. Délcio Jorge Manuel22 de março de 2012 10:25

    a cultura moz agradece por esse xpaço. nos amamos moz, nos amamo africa. abraço pa todos vces

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Délcio, aqui no ônibus, os irmãos moçambicanos tem lugar especial, sempre.

      Excluir